Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Cantinho da Manu

"Quando duas pessoas partilham um pão, cada uma volta com um. Quando partilham ideias, voltam com duas." (Buda)

Cantinho da Manu

"Quando duas pessoas partilham um pão, cada uma volta com um. Quando partilham ideias, voltam com duas." (Buda)

De quem foges?

Porque foges?... De quem foges?... De ti?... Do mundo?...

Refugias-te no canto mais recôndito, mergulhas em profundas angústias, não ousas gritar, pedir socorro, reclamar, implorar, és demasiado forte para te permitires mostrar as tuas fragilidades.

Agarras-te a sonhos que constróis como se de realidade se tratasse, já que o que te rodeia é um mundo que não escolheste.

Amas o que sonhas, inventas o que não tens, ris do que te fez chorar e choras por quem te faz rir.

Tens a solidão como tua fiel amante, sabes que ela nunca te desiludirá, que ninguém a inveja, não é bonita, nem sensual, não se mostra na rua,  passeia muda, cega, insensível...sabes que nunca te fugirá, será sempre a eterna companheira de noites povoadas de segredos. Confias-lhe os teus desejos e contas-lhes as tuas mágoas. Só a ela permites que veja as tuas lágrimas.

Despedes-te dela todas as manhãs e anseias para que chegue a noite, para a poderes sentir de novo.

Ah solidão de alguém que nunca estará só, um veneno doce que corrói lentamente a alma e faz definhar com prazer ilusório o mundo que não partilhas, um mundo teu e da tua companheira de todos as noites.

Tenho ciúmes dela, sabias?

                         

14 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

imagem de perfil