Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Cantinho da Manu

"Quando duas pessoas partilham um pão, cada uma volta com um. Quando partilham ideias, voltam com duas." (Buda)

Cantinho da Manu

"Quando duas pessoas partilham um pão, cada uma volta com um. Quando partilham ideias, voltam com duas." (Buda)

O princípio do vazio

 

Tens o hábito de juntar objectos inúteis neste momento, crendo que um dia (não sabes quando), poderás precisar deles?

Tens o hábito de juntar dinheiro, só para não o gastar, pois pensas que no futuro poderá fazer falta?

Tens o hábito de guardar roupa, brinquedos, sapatos, móveis, utensílios domésticos e outras coisas que não usas há bastante tempo?

 

E dentro de ti?

 

Tens o hábito de guardar o que sentes, broncas, ressentimentos, tristezas, medos, pessoas, etc?

Não faças isso!

É anti-prosperidade.

É preciso criar um vazio, para que as coisas novas cheguem á tua vida.

É preciso eliminar o que é inútil em ti e na tua vida,  para que a prosperidade venha.

É a força desse vazio que absorverá e  atrairá tudo o que tu desejas.

Enquanto estiveres material ou emocionalmente carregado de coisas velhas e inúteis, não haverá espaço aberto para novas oportunidades.

Os bens precisam de circular.

Limpa as gavetas, o teu quarto, a garagem.

Dá o que tu já não usas.

A atitude de guardar um montão de coisas inúteis, amarra a tua vida.

Não são os objectos guardados que param a tua vida, mas o significado da atitude de guardar.

Quando se guarda , considera-se a possibilidade de falta, de carência. É acreditar que amanhã poderá faltar e tu não terás meios de prover as tuas necessidades.

Com essa postura tu estás a enviar duas mensagens para a tua vida.

1ª Tu não confias no amanhã.

2º Tu crês que o novo e o melhor não serão para ti, já que te alegras em guardar coisas velhas e inúteis.

 

Joseph Newton

14 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

imagem de perfil