Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Cantinho da Manu

"Quando duas pessoas partilham um pão, cada uma volta com um. Quando partilham ideias, voltam com duas." (Buda)

Cantinho da Manu

"Quando duas pessoas partilham um pão, cada uma volta com um. Quando partilham ideias, voltam com duas." (Buda)

Um agradecimento neste Natal

Para ti que encheste os meus dias de sorrisos e cumplicidade

Para ti que me deste força e ânimo nos momentos mais difíceis.

Para ti que te fizeste presente quando eu menos esperava

Para ti que partiste e me deixaste o coração despedaçado

Para ti que me faltaste ao respeito e me usaste de forma egoísta.

Para ti que me criticaste e nem sequer ouviste as minhas justificações

Para ti que me traíste trocando-me como quem muda de roupa

Para ti que me amaste e eu não consegui retribuir

Para ti que que esperavas mais de mim e não dei por isso

Para ti que me olhaste com olhos tristes como que pedindo socorro e eu passei sem te olhar

Para ti que me brindaste com a tua sincera amizade sem esperar nada em troca.

Para ti que roubaste sem escrúpulos o que de melhor sou

Para ti que não soubeste decifrar o quanto te amava

Para ti que com o sofrimento que me infligiste me tornaste uma mulher mais forte e tolerante.

Para todos o meu agradecimento por me fazerem entender que não apareceram na minha vida por acaso.

Cresci

Aprendi

Aceitei

 

Descobrindo a Felicidade

Mal se abre o meu blog, dá-se logo de caras com a frase de boas vindas que eu escolhi, uma frase de Confúcio: " Quando duas pessoas partilham um pão voltam com um, quando partilham ideias voltam com duas". Para além da frase há alguns posts que tenho escrito, que demonstram a minha simpatia e admiração pela cultura chinesa, pelo budismo, pela filosofia Oriental.

Como eu, vão surgindo outras pessoas que gostam de partilhar ideias sobre o assunto e vão dando a conhecer ensimentos, deixando reflexões, escrevendo comentários...ao mesmo tempo que se estreitam laços e se criam empatias.

A Teresa descobriu, ela sentiu, ela surpreendeu-me e mais uma vez fiquei sem palavras quando recebi um livro dela na caixa do correio..."Sementes de Bem- Estar na Sabedoria Chinesa" ...um livro que se destina a todos aqueles que procuram o bem estar, equilíbrio e harmonia no seu quotidiano. Com base no pensamento chinês possibilita a compreensão de muitos aspectos da sabedoria milenar e oferece sugestões que inspirarão todos os que desejam trilhar o caminho da felicidade.  

É assim que aos poucos vou descobrindo a felicidade que se desnuda em palavras , em acções, em emoções sentidas e inesperadas.

É assim que, sem ser feliz, vou tecendo uma manta de retalhos, onde á mistura com lágrimas, saudade, desilusão, há uma mancha em muito maior quantidade de retalhinhos  feitos de amizade, de sorrisos e de partilha, que se entrelaçam uns nos outros e  que são o suporte para as desditas de uma vida... vida rica em ideais e sonhos.

E quando há bem pouco tempo deixei aqui um texto da Julieta em que a pergunta era: Quanto Vale a Sua Felicidade?...Hoje volto a responder mais consciente que nunca :

A minha felicidade vale o momento, porque a vida é feita deles...

A minha felicidade vale o inesperado das alegrias que vão acontecendo por aqui.

A minha felicidade vale o quanto aprendo nesta permuta de saberes.

A minha felicidade vale muito mais que os meus sonhos, vale uma realidade constituída por pessoas que ousam dar-me aquilo que eu jamais imaginei receber

 

Obigada Teresa
Obrigada a todos.

 

Antes que seja tarde...

 

 

Antes que seja tarde...

Agradeço o carinho e o sorriso que me foi dado e que tantas vezes não soube retribuir.

O amor e amizade  que incondicionalmente me ofereceram sem nada esperarem em troca.

A mão estendida quando mais precisava de apoio.

A palavra por vezes difícil de ouvir , mas que me fez crescer.

A quem escutou as minhas dores e sofrimentos, quando nem me apercebia de que quem me ouvia sofria mais do que eu

O incentivo e encorajamento quando quis iniciar algum novo projecto.

A canção dedicada quando chorava, a mensagem que chegou na hora certa, o telefonema, a visita inesperada....

Agradeço eternamente a quem me valorizou e acreditou em mim, manifestando com sinceridade e apreço as minhas iniciativas.

Aos que me criticaram e me julgaram por vezes de uma forma injusta e pouco clara, saibam que com isso aprendi e cresci, apercebendo-me  do que nunca deverei fazer , por causar grande dor e danos irreversíveis.

Aos meus amigos uma palavra de reconhecimento sincero, porque em horas de mágoa e sofrimento me deram alento.

Aos que ouviram os meus lamentos , mesmo tendo coisas bem mais agradáveis para fazer

Aos que mesmo longe, se fizeram presentes.

A quem me surpreendeu pela forma desprendida e desinteressada com que se disponibilizaram e me deram a mão, quando julgava estar sozinha.

A quem olhou para mim por breves instante e descobriu  o que estava para além de um simples olhar.

A quem alheio  ao meu aspecto físico, ou à minha maneira de vestir, me conseguiu conhecer para além do visível e fácil.

A quem riu comigo e partilhou momentos de grande alegria.

Agradeço acima de tudo à vida, à minha vida e a quem me deu um pouco da sua vida

...antes que seja tarde.

 

18 de Abril de 2009

Há uns anos atrás entrou na minha vida.

Iluminou-a, deu-lhe cor, alegria...

Nunca mais os meus dias foram iguais.

Ele é a paz, a doçura, a serenidade, a ternura e o amor da minha vida.

O meu filho!!!!

Sentamo-nos , bem aninhadinhos no sofá, rimos, contamos os nossos segredos, as nossas alegrias,  as tristezas, partilhamos ideias, damos conselhos um ao outro...

Descreve-me as aventuras da última viagem que fez, mostra-me  fotos e por fim abre as malas.

O que mais me alegra é que venha donde vier, seja do país mais bonito, do mais quente, com águas límpidas, ou o mais exótico..mal entra em casa, diz: "-Cheguei ao Paraíso!"..

Não vou falar mais dele, eu sei que sou uma mãe "babada", mas que foi a melhor prenda que a vida me deu, isso sem dúvida.

Teve a sorte de encontrar pessoas que ao longo da vida o ajudaram a ser a pessoa que hoje é.

Recordo e agradeço a algumas delas que foram parte importante no seu desenvolvimento e na formação do seu carácter.

Ao pai que sempre lhe incutiu valores muito importantes e sempre esteve atento para que não houvessem desvios.

Ás minhas grandes amigas, Célia e Olga, que me ajudaram a cuidar dele, lhe contaram histórias, brincaram, passearam e que foram "mãe", quando o meu trabalho não me permitia estar sempre presente..

Ás primas, Lara e Mónica, que mesmo longe eram o porto de abrigo quando se encontravam.

Á Maria João e á Paulinha que tantas vezes o levaram á praia,  cuidaram dele e a quem ele carinhosamente chamava "meninas", ou dizia. "-Mamã vou às meninas", hoje já adultas continuam a ser as meninas.

Aos grandes amigos, Filipe, Rodrigo, Raminhos..e tantos , tantos mais, que o têm acompanhado ao longo dos anos, e que têm sido de uma amizade e cumplicidade a toda a prova.

Finalmente  às colegas de viagens , Elizabete, Filipa, Telma,  Alida Diogo, Rui... companheiros de trabalho, de aventuras e que minimizaram a saudade de casa quando estava longe; pessoas impecáveis que tive o prazer de conhecer e de concluir que até nisso teve sorte.

 

18 de Abril, mais um aniversário!

Parabéns meu filho!

 

                                                           

Mais sobre mim

imagem de perfil

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2010
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2009
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D